Aprender inglês é como jogar videogame

A comparação pode parecer inusitada, mas é da especialista em comunicação em outras línguas, Marianna Pascal.

Ela falou sobre o assunto em sua apresentação no TEDxPenangRoad (https://www.youtube.com/watch?v=Ge7c7otG2mk) e ganhou matéria especial no portal Study English (https://www.studyinternational.com/news/secrets-mastering-foreign-languages/).

Vamos te explicar.

APRENDER É COMO UM JOGO

Quando alguém joga videogame, tenta, joga de novo, tenta, erra, muda os caminhos, faz outras jogadas até atingir seu objetivo. 

Foi isso que Marianna Pascal percebeu ao observar um jogador.

“Mesmo que ele fosse terrível, mesmo que seus amigos estivessem assistindo, não havia constrangimento. Não havia nenhum sentimento de ser julgado. Não havia timidez.”

A prática do inglês deve ser parecida.

Sem vergonha de errar, com foco no objetivo final, que é uma comunicação efetiva.

IDIOMA É FERRAMENTA

O inglês deve ser visto como uma ferramenta de comunicação.

Encará-lo dessa forma pode diminuir a pressão e o medo que é comum ao tentar se expressar no idioma.

Não ter, ainda, um alto nível de proficiência não deve ser empecilho para essa tentativa.

Em alguns momentos ser claro é mais importante do que falar 100% corretamente.

“Em vez de olhar para uma língua estrangeira como uma arte a ser dominada e aperfeiçoada, pense nela como uma ferramenta que você pode usar para alcançar um resultado”, diz Marianna Pascal.

QUESTÃO DE ATITUDE 

O quanto uma pessoa se comunica bem em inglês tem muito a ver com a sua atitude em relação ao inglês, segundo Pascal.

Para ela, existe uma diferença grande entre quem foca em si mesmo e em falar corretamente e entre quem foca na pessoa com quem está conversando e está em busca de alcançar um bom resultado na comunicação.

ESTUDAR SEMPRE 

Assim o estudo do idioma se torna ainda mais importante.

Seja o seu objetivo ao aprender inglês ter autonomia em uma viagem internacional ou mesmo ter boa desenvoltura em uma reunião de negócios, o que você precisa é saber como passar a mensagem que deseja, certo?

O processo de aprendizado da língua não engloba apenas correção gramatical, ortográfica e de pronúncia, mas também a boa comunicação.

As regras são sim importantes, especialmente em provas como Enem, exames internacionais de proficiência e entrevistas de emprego, por exemplo.

Elas têm que ser aliadas na boa comunicação e não uma preocupação que te impeça de se comunicar.

Inglês assim, efetivo e para a vida toda, é o que você encontra na Cultura Inglesa MG (https://culturainglesamg.com.br/blog/cultura-inglesa-e-a-melhor-escola-de-ingles/.

Venha conhecer a nossa escola!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *